Cliníca de fertilização: como escolher?

Como escolher uma clínica? Pensei logo em perguntar para uma amiga da época do colégio que fez uma produção independente há alguns anos. Como estava sem jeito de ligar, escrevi um e-mail pedindo indicação.
Foi muito legal, porque além do nome do médico e da clínica, e la me deu a maior força! Na hora de uma decisão dessas queremos ouvir incentivos e saber que pessoas que fizeram isso antes da gente não se arrependeram…

Perguntei também para minha irmã que fez uma fertilização in vitro e para uma colega jornalista da Revista Crescer, onde trabalho como colaboradora.
Acabei descobrindo que a clínica que minha amiga fez a dela é uma das mais conhecidas e, de certa forma, está “na moda”. Claro, consequentemente o preço também é alto.

Comecei então a mandar e-mails para várias clínicas que encontrei na internet, perguntando se faziam o procedimento e qual seria o preço em média.  E que frio na barriga senti!!! Parece que perguntar sobre o assunto tornou minha decisão mais real… E quando a primeira clínica me retornou por telefone, como fiquei atrapalhada, não sabia nem mais o que perguntar!
Acho que qualquer pessoa que se depara com uma situação assim tão nova se sente insegura, não?

Então marquei minha primeira consulta, e chamei minha melhor amiga para ir junto comigo.  Nessas hora de ansiedade é bom ter alguém de confiança junto, até para ajudar a sentir o “clima” do lugar. E lá fomos nós…

0 Responses to “Cliníca de fertilização: como escolher?”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: